Silo do Fim do Mundo: conheça o Silo Global de Sementes de Svalbard




O Svalbard Global Seed Vault ou Silo Global de Sementes de Svalbard ou da Esvalbarda também conhecido como Svalbard International Seed Vault ou Silo Internacional de Sementes da Esvalbarda é o maior silo para sementes do mundo, construído próximo à vila de Longyearbyen, no remoto arquipélago Ártico de Svalbard, a apenas cerca de 1120 km ao sul do pólo norte.

O Silo Global de Sementes de Svalbard tem como objetivo salvaguardar a biodiversidade das espécies de cultivos que sirvam como alimento para as populações do mundo e seus países. O Silo de Svalbard preservará cerca 90% das sementes conhecidas existentes no mundo, doadas pelos países produtores.

O Silo é gerenciado sob os termos definidos em um acordo tripartite entre o governo Norueguês, o Fundo para a Diversidade Global de Cultivos (Global Crop Diversity Trust) e o Banco de Genes Norueguês (Nordic Gene Bank). O Banco de Genes Norueguês é um esforço de cooperação entre todos os países nórdicos, sob a supervisão do Conselho Nórdico de Ministros (Nordic Council of Ministers). O Governo Norueguês financiou em sua totalidade o custo de construção do Silo, estimado em cerca de 8 milhões de dólares.



O Fundo para a Diversidade Global de Cultivos desempenhou uma função fundamental no planejamento do Silo de Svalbard e na coordenação do envio das amostras de sementes para o Silo, em parceria com o Banco de Genes Norueguês. O Fundo garantirá a maior parte dos custos operacionais para as instalações, tendo já separado os recursos para tal, ao mesmo tempo em que o Governo Norueguês arcará com os custos de manutenção da estrutura em si. A Fundação Gates desembolsou aproximadamente 750 mil dólares para auxiliar a países em desenvolvimento e centros de pesquisa no empacotamento e envio das sementes. Um Conselho Consultivo Internacional foi estabelecido para garantir a supervisão do Silo e oferecer aconselhamento. Este Conselho inclui representantes da FAO, da CGIAR, do International Treaty on Plant Genetic Resources, e de outras instituições.


A caixa forte de sementes, conhecida também como Caixa Forte de Sementes "Fim do Mundo", consiste em três câmaras, e está localizado à saída de Longyearbyen e do Aeroporto Longyear diretamente oposto. A instalação é cerca de 130 metros acima do nível do mar em túnel de 120 metros de montanha a dentro, em uma situação de arenito estável. Cada uma das três câmaras subterrâneas é de cerca de 1200 metros cúbicos (20 metros de profundidade, 10 metros de largura e 6 metros de altura). O local até agora abaixo do solo garantindo temperatura fria e estável para o futuro próximo e é alto o suficiente, acima do nível do mar, para garantir a instalação contra qualquer aumento no nível do mar como resultado do aquecimento global. Em uma época de mudanças climáticas, esta é igualmente uma questão global.

O Vault Svalbard Global de Sementes abriu oficialmente 26 de fevereiro de 2008, quando recebeu seu primeiro carregamento de 100 milhões de sementes, originários de mais de 100 nações diferentes.

Fontes:
ramanavimana.blogspot.com.br
Wikipedia