Sombras da noite, novo filme de Tim Burton estrelado por Johnny Depp



Foto: divulgação

Vestido com trajes de inspiração gótica, Johnny Depp entra, ao som de disco music, num ambiente com decoração semelhante à de uma danceteria. A cena está em "Sombras da noite", o novo filme de Tim Burton, que escalou como protagonista seu antigo colaborador.

O contraste entre as roupas do personagem e a trilha sonora deve-se ao fato de ele ser um vampiro que passou dois séculos enterrado. Quando desperta, é 1972. Logo no princípio do vídeo, o narrador explica: "Meu nome é Barnabas Collins. Dois séculos atrás, fiz de Collinwood meu lar. Até que uma bruxa ciumenta me amaldiçoou, condenando-me às sombras. Para sempre".

Angelique Bouchard, a vingativa bruxa em questão, é interpretada por Eva Green ("Os sonhadores"). Depp contracena, aqui, com um elenco repleto de rostos conhecidos. Michelle Pfeiffer ("I am Sam") vive a matriarca da familia que, no presente da história, habita a antiga mansão de Barnabas, espécie de playboy daquele tempo.

Ali, convivem o irmão mais novo dela, papel de Johnny Lee Miller ("Trainspottig"), e o casal de filhos dele - entregue a Chloë Grace Moretz ("Kick ass") e David Collins ("A invenção de Hugo Cabret"). Também circulam por ali Helena Bonham Carter ("Clube da luta"), na pele de uma psiquiatra, e Jackie Earle Haley ("A hora do pesadelo"), como o caseiro da propriedade decadente. Em outros papéis secundários, o longa traz também o veterano Christopher Lee e o músico Alice Cooper, interpretando a si próprio.

"Sombras da noite" baseia-se na série "Dark shadows", exibida na tevê americana entre 1966 e 1971. A temática do filme representa um reencontro de Tim Burton com o trabalho que o lançou, "Os fantasmas se divertem" (1988), no qual Michael Keaton era Beetlejuice.

Trailer



Fontes:
http://g1.globo.com
youtube.com