MIT afirma que Facebook será esquecido em breve

Para o Technoloy Review a rede social cairá no esquecimento dos internautas por não agregar nada de novo.

Qual a importância do Facebook na sua vida? Para muitas pessoas, a rede social de Mark Zuckerberg é uma parte integrante do cotidiano, mas para o Technoloy Review (site ligado ao Instituto de Tecnologia de Massachusetts), ele não passa de uma página mantida por anúncios. Pelo menos é o que um de seus editores escreveu no texto “The Facebook Fallacy” (A Ilusão do Facebook).

(Fonte da imagem: Reprodução/Facebook)

No texto, é dito que o Facebook pode ter realmente quase 1 bilhão de usuários cadastrados (e que esse número pode chegar a 2 bilhões), mas o fato de ele não agregar nada que seja realmente revolucionário pode ser decisivo para o declínio da rede social. Com o valor estimado em cerca de US$ 100 bilhões, ele estaria no ápice da ilusão já mencionada.

Valor do produto x Valor do usuário

Você sabe quanto vale para o Facebook? Segundo o Technology Review, cada pessoa cadastrada rende aos cofres da empresa um total de cinco dólares por ano. No mesmo período, cada leitor do New York Times (que está em declínio econômico) gera 1.000 dólares para os bolsos do jornal.
Facebook x Google

No texto, ainda é afirmado que o Facebook é apenas um site que utiliza anúncios para ganhar dinheiro. O editor aproveita para dizer que o Google é um sistema muito mais eficiente de colocação de propagandas, pois funciona como um facilitador para as empresas mostrarem aos usuários o que pode ser realmente interessante para eles.

(Fonte da imagem: Reprodução/Facebook)

Mas as duas empresas começam a seguir caminhos parecidos em alguns pontos. Segundo a fonte, os dois serviços têm tanto dinheiro que eles não precisam mais ter boas ideias, podendo apenas comprá-las das pessoas que as tiveram. O problema é que o Facebook não é o Google (que revolucionou o mundo), por isso vai começar a ser esquecido – assim como aconteceu com Yahoo, AOL e outros gigantes da internet.

Importante: as opiniões expressas nesta notícia são uma tradução da fonte e não correspondem às opiniões dos sites Baixaki e Tecmundo e deste blog.


Fontes: Technology Review / www.tecmundo.com.br

Leia mais em:http://www.tecmundo.com.br/facebook/24040-mit-afirma-que-facebook-sera-esquecido-em-breve.htm#ixzz1vl2A3BtW