Como fazer a câmera seguir objeto no Blender

Uma mira para a câmera no Blender

Uma das coisas mais chatas de aprender a controlar no Blender é a direção para onde a câmera aponta. Quem vem de outro programa, como o 3ds Max, estranha a falta de uma mira (target). Entretanto, isso que parece ser uma falha é na verdade um exemplo da flexibilidade do Blender: a câmera não vem “de fábrica” com a mira, pois é muito fácil criá-la com um par de cliques.

Podemos fazer a câmera fixar seu enquadramento num determinado objeto da cena, contudo o mais interessante é fazer a câmera “olhar” para um objeto vazio (empty), que só serve para controlar sua mira e não é renderizado na imagem final. Em ambos os casos, o segredo é empregar o limitador de movimento (constraint) TRACKTO. Pode parecer complicado, mas vou mostrar como fazer isso usando apenas as teclas de atalho CONTROL+T.

Vejamos o processo passo a passo.

A imagem abaixo mostra a tela inicial padrão do Blender 2.5. Para este exercício, nós vamos inicialmente apagar o CUBO [selecione-o com o botão direito do mouse, tecle DELETE ou X e confirme]. Depois se assegure que o cursor que indica onde novos objetos serão criados está no centro da grade [teclando SHIFT+C].


Crie um objeto do tipo EMPTY [pelo menu ADD ou teclando SHIFT+A].


O passo seguinte não é obrigatório, mas pode melhorar o aspecto da mira na cena. Selecione o objeto EMPTY [clicando nele com o botão direito do mouse ou selecionando-o pelo nome na janela OUTLINER]. Na janela de propriedades, ative o ícone que representa o OBJECT DATA do EMPTY. Mude o tipo do EMPTY para SPHERE e seu tamanho para 0.50.


Agora que já temos o objeto que servirá de mira, vamos fazer a câmera segui-lo. Selecione ambos, mas atenção, pois a ordem é fundamental: primeiro selecione a câmera e só depois o EMPTY. Para não perder a primeira seleção, mantenha o SHIFT pressionado. 

Chegamos ao cerne da questão. Tecle CONTROL+T e escolha TRACK TO CONSTRAINT.

Pronto! A câmera já está seguindo sua nova mira, o que é indicado por uma linha azul tracejada.


Se quiser entender o que aconteceu “nos bastidores” do Blender, selecione apenas câmera [antes, para dessselecionar tudo, tecle A]. Na janela propriedades, selecione OBJECT CONSTRAINT. Você perceberá que o CONTROL+T é simplesmente um atalho para o controlador TRACKTO.


A partir de agora você pode controlar a câmera tanto pela sua posição no espaço, quanto pela posição do EMPTY, que passou a ser sua mira. 

Um último passo interessante seria mudar o nome do EMPTY para algo mais descritivo de sua função, como “camMIRA”, como mostrado abaixo, mas isso é opcional.


ÚLTIMA DICA: O mesmo procedimento pode ser adaptado para criar uma mira para uma luz tipo SPOT.

Por Adriano Oliveira, em http://cgtotal.net