Como foi feito o filme "Planeta dos Macacos - a origem"

A atuação do ator Andy Serkis como o macaco César foi o grande destaque do filme Planeta dos Macacos: A Origem. O trabalho da WETA Digital com a tecnologia de captura de movimentos teve um resultado surpreendente. Em 2009 a mesma empresa foi a responsável pelo uso da tecnologia em Avatar, do diretor James Cameron.

O filme usou a técnica Motion caption com sensores que vibravam em todos os atores da cena. Estes sensores transmitiam  sinais para as câmeras que ficavam escondidas no set de gravação. A Weta inovou ao gravar pela primeira vez cenas com motion caption sob a luz do sol. O set de gravação da ponte tinha 18 metros de comprimento e os resultados foram espetaculares, com destaque para os atores que conseguiram reproduzir os movimentos dos macacos. Para que tudo isso fosse possível, a produção do filme observou por meses o comportamento destes animais num parque, estudando seus movimentos. O ator Andy Serkis é referência na dublagem de animais e seres "estranhos" e já participou de filmes como o King kong, dublando o grande gorila e na trilogia Senhor dos Anéis, desta vez encenado o conhecido Sméagol / Gollum. Os movimentos eram inseridos então nos personagem modelados, texturizados e caracterizados pela equipe  dos estudios da Weta, que mantiveram inclusive, os trejeitos e as nuâncias do rosto dos atores captadas durante as gravações. 

Veja o vídeo: