As Aventuras de Tintim usa tecnologia 3D com captura de movimento (Motion Captor)

    O aventureiro Tintim compra para o amigo Haddock um modelo de um galeão antigo, que, por coincidência, era a réplica do navio de um antepassado do capitão, o cavaleiro de Hadoque. O modelo é roubado, e logo depois a casa de Tintim é toda revirada. O que os assaltantes procuravam? Por sua vez, o capitão acha no sótão de casa as memórias do cavaleiro. Nelas, ele narra seu encontro no Caribe com o pirata Rackham, o Terrível, que o captura com seu navio, para o qual transfere os tesouros que havia pilhado. O cavaleiro consegue escapar e afunda o Licorne com todo o tesouro a bordo. Divide o mapa com a localização do naufrágio em três partes, que esconde em réplicas do navio. Muitos anos depois, Tintim e seus amigos decidem buscar as partes do mapa, sabendo que para isso terão de driblar uma perigosa quadrilha.


Spielberg dirigirá o primeiro e Peter Jackson o segundo filme da franquia. Caso Jackson e Spielberg não encontrarem um diretor de nível para assinar o terceiro. James Cameron está em negociações para comandar o terceiro filme da franquia.




Os personagens Tintim (um jovem jornalista) e Milu (seu cachorro) apareceram pela primeira vez em 10 de janeiro de 1929, no Le Petit Vingtième, um suplemento do jornalLe Vingtième Siècle destinado aos jovens e posteriormente acabou ganhando uma série animada.

Os filmes utilizarão a tecnologia 3D digital de captura de movimentos, e o primeiro estréia prevista entre dezembro de de 2011 e janeiro de 2012.


Fonte: http://www.cinepop.com.br